Maria João Worm


DE QUEM NOS PERCEBA
25 Setembro 2009, 9:25 pm
Filed under: Uncategorized

A propósito de andarmos à procura de quem nos perceba. De quem demore o tempo e ao mesmo tempo retenha todo as irregularidades e substâncias do que escrevemos. Todos os lados que nós próprios quando fazemos apenas sabemos da presença. Querer quem escreva a acta desta reunião entre o ser e fazer, alguém tão perspicaz e hábil que consiga coser a sombra ao Peter Pan e que o faça sem utilizar a agulha ou as mãos. Alguém que o faça por um meio que está por dentro, a um tempo quase irreconhecível e por outro tão certeiro que não restam dúvidas de ser a imagem reflectida mais nitida do que a imagem que se dá ao reflexo. Ansear por uma alma maior do que gémea um igual mas superior, maior e mais profundo capaz de resolver os enigmas mais intrincados, mesmo que não os devolva desencriptados. Alguém que guarde a memória total e essencial do que escapa em cada pensamento e que o faça por amor de tal forma empático que nos torne nos narcisos mais narcisos. E por haver esta ligação, alguém que não pede mais do que se dar ao reflexo porque nele próprio se encontra. É isto? Espero que não.

Anúncios


NO FIM DE AGOSTO
23 Setembro 2009, 3:01 pm
Filed under: Uncategorized

o meu avô 1